in ,

Thuler deve renovar até 2024 com o Flamengo

Zagueiro da base rubro-negra, ele atuou contra o Botafogo no Brasileirão e deve substituir Rodrigo Caio, lesionado

O zagueiro Thuler, cria da base flamenguista, está próximo de renovar seu contrato. De acordo com informações divulgadas pelo Globoesporte.com, o Flamengo trabalha nos bastidores para aumentar o vínculo do atleta. No último final de semana, ele foi utilizado no clássico contra o Botafogo após a lesão de Rodrigo Caio. A tendencia é que ele seja titular no domingo (30), no duelo diante do Santos.

A ideia do Flamengo é renovar com o zagueiro até 2024. Embora apareça como a 4ª opção defensiva do técnico Domènec Torrent, Thuler ganhou a vaga no clássico e agradou o espanhol. Além dele, o elenco do Mengão conta com Gustavo Henrique e Léo Pereira para o setor. Com Rodrigo Caio como dúvida para o duelo contra o Santos, o jovem deve ser titular pela 3ª vez em 2020.

Thuler tem contrato até 2023 com o Flamengo e está no clube desde 2014. Após ter o pior início de Campeonato Brasileiro dede 2015, o Mengão já sofreu 6 gols em 5 partidas oficiais. Até o momento, o clube soma 2 empates, 2 derrotas e apenas 1 vitória na competição. O duelo de domingo contra o Santos, será realizado às 16h, na vila Belmiro. A TV Globo e o Premiere transmitem o jogo.

OS NÚMEROS DE THULER NO FLAMENGO

Ao 21 anos, Thuler foi promovido ao elenco principal do Flamengo em 2017. Desde então, o zagueiro soma 34 jogos oficiais pelo clube e 1 gol anotado. Ele fez parte das campanhas vitoriosas do Mengão no Campeonato Brasileiro e na Copa Libertadores no ano passado. Em 2020, foi titular em apenas 2 jogos oficiais com a camisa rubro-negra.

What do you think?

Written by Marcos Garcia

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0
Diego Ribas assinou novo contrato com o Flamengo

Diego Ribas é do Flamengo até dezembro de 2021

Pedro foi oficialmente adquirido em definitivo pelo Flamengo

Santos x Flamengo: Confira a provável escalação