Elenco do Flamengo recebe 10 MILHÕES por resultados de 2017

Diretoria do Fla e conselheiros se reuniram na Gávea para a realização do Conselho Deliberativo – CODE. Porém, um tumulto por conta dos questionamentos sobre a falta de transparência nas contas e o pagamento de bonificações em 2017, fez com que fosse suspensa e remarcada para a próxima semana. A informação é de Diogo Dantas, repórter do jornal O Globo.

 A confusão se deu após o descobrimento do pagamento de 10 milhões de reais ao elenco e a comissão técnica pelos resultados de 2017, o ano que o Flamengo não ganhou absolutamente nada e só passou vexame. Rodrigo Caetano recebeu 800 mil. O nome do Diego Ribas aparece na lista com um valor um pouco maior de 1 milhão.Maurício Gomes de Mattos (VP Geral) estava representando o presidente Eduardo Bandeira de Mello, que não compareceu. Pela diretoria, Marcelo Haddad, VP de Planejamento se pronunciou pedindo a aprovação das contas dizendo que é o melhor resultado financeiro da história do clube.

A presença de Eduardo Bandeira de Mello, Ricardo Lomba e Fred Luz não foi obrigatória, porém alguns integrantes do encontro esperavam que eles estivessem ido por conta da má fase que o Mengão vive dentro de campo.